19 de março de 2014

Snow Cake

Não sou a maior fã de sabonetes, apenas porque acho mais prático o gel de banho, mas por um bom sabonete eu torço o braço e faço um jeitinho. E este sabonete encantou-me pelo seu cheiro delicioso a amêndoas doces com flores, é uma verdadeira experiência para o olfacto.


Comprei um fatia a metade do preço de tabela, (yey! saldos da Lush!) e reservei-o para usar num dos meus mega banhos relaxantes. Na noite escolhida para o nosso encontro preparei a banheira a rigor com direito a velas e a musica e heis que, quando vou buscar o meu par, vejo que o pacote está empapado em gordura.... WHAT? Sim, em gordura, mesmo no meio das gavetas, em local seco e fresco, o meu par começou a largar todos os óleos que o compõe!

Fiquei logo de pé atrás com um par destes, ainda nem estávamos no banho e ele já estava desfazer-se? Mas dei-lhe uma hipótese, tirei-lhe um pedaço e fomos para a banheira... O cheiro era tudo o que eu esperava, a textura deixou-me hiper contente, cremoso, sem fazer espuma, um óptimo presságio para um sabonete hidratante. 

E depois? (Não, não havia outra...) O que aconteceu foi que: sai do banho, sequei-me, e  a minha pele tinha aquela sensação que eu odeio de "limpa até chiar". Foi a minha maior desilusão, porque ele no banho é maravilhoso, cremoso, deixa a agua do banho branca e cheirosa, eu sei que ele está cheio de óleos bons, mas a minha pele acha-o demasiado detergente.

Snow cake, és lindo, cheiroso e simpático mas a minha pele precisa de um sabonete menos "lavante". Seja como for, vou tomar banho contigo até te cansares, mas só quando tiver tempo para todo um ritual hidratante profundo após o banho, afinal de contas não me enches totalmente as medidas e eu tenho de contar com a ajuda preciosa da minha manteiga corporal!

1 comentário:

  1. já tive vários sabonetes da lush (nunca comprei nenhum, só amostras e ofertas) e têm todos esse problema de ao fim de algum tempo no papel começar a gordura a ir toda para lá, por mais seco que seja o sítio onde está... o mais hidratante que experimentei foi o porridge.

    ResponderEliminar

Deixa a tua opinião aqui!

Notas

Aqui escreve-se ao abrigo do antigo acordo ortográfico.

Contacto: pinderiquicespindericas@gmail.com

© Pindérica, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena