25 de fevereiro de 2014

Boti-Perfumes, qual o teu?

Os cheiros tem a possibilidade de alterar o nosso estado de espírito e de marcarem momentos importantes que mais tarde recordamos com carinho cada vez que os sentimos. O pão acabado de cozer, os bolos de laranja, a terra molhada e o cheiro salgado das ondas...

Há cheiros que adoramos e há cheiros que não têm nada a ver connosco. O cheiro é algo tão forte e pessoal que inclusive há literatura que usa exaustivamente a descrição do olfacto para criar cenários na nossa imaginação que sejam mais sensoriais, técnica muito usada pela Joanne Harris, que me deixou a odiar o cheiro de laranjas.

Eu adoro cheiros doces, e odeio cheiros verdes, mas na realidade o mercado tem de dar respostas ao gostos de todos nós e por isso é que há cheiros para todos os gostos e feitios. Então mas não gostamos de perfumes diferentes? Sim... e não ao mesmo tempo.

Com este panorama em mente, fui ao evento de perfumaria do Boticário, que apesar de não ser a minha "perfumaria" de eleição tem um ou outro perfume que aprecio (como o Coffee Seduction ou o Capricho Rock). Foram-nos apresentadas as gamas de perfumes disponíveis na linha permanente da marca, e os cheiros foram associados com adjectivos do tipo de pessoa que os usa, uma abordagem bastante curiosa.

E como é que eu sei a que tipo de familia olfativa pertenço? Simples, se procurarem as "notas" dos vossos perfumes preferidos aposto que vão se aperceber que existem um padrão e que acabam por escolher fragrâncias com sempre as mesmas notas. Eu sou musk (almíscar) e baunilha.. todos os meus perfumes têm ambas as notas, que são quentes e doces.


E como é que eu sei qual o meu boti-perfume? Depois de saberes quais as notas que mais gostas nos teus perfumes, e consequentemente qual a família ofaltiva em que te encaixas, é simples!

Fougére - As notas fougére criam perfumes normalmente são descritos como "verdes" são tendencialmente masculino e os aromas principais são musgos, ervas frescas e algumas madeiras.
Cítrico - As notas cítricas conferem aos perfumes uma leveza e jovialidade extrema. A combinação dos vários citrinos cria fragrâncias intemporais e adequadas para qualquer idade.
Chipre - Esta familia é considerada a agri-doce combina notas frescas dos citrinos com a riqueza das madeiras. Podemos considera-lo um meio termo entre os dois apresentados anteriormente.
Floral - A família feminina por excelência, combina as notas florais com quais quer outras podendo assumir as mais variadas vertentes desde os aromas mais doces aos mais silvestres. Dos mais simples aos mais complexos.

Amadeirados - Tendencialmente masculina esta família tem-se vindo a estender para o universo feminino. Tal como o nome indica as suas fragrâncias têm notas de madeira, sendo que existem madeiras adocicadas e madeiras mais "verdes".

Orientais - A família das especiarias, se gostam de baunilha, canela, pimenta, cravo-da-índia, cominhos... é aqui! E não, não estamos a falar de comida (até porque devem reconhecer alguns dos perfumes em baixo). São fragrâncias fortes e quentes.

Musk - Ao contrario da família anterior o almíscar destaca-se pela sua delicadeza, (inicialmente extraído das glândulas de um veado, mas actualmente produzido sinteticamente) o almíscar é o aroma que associamos com os bebés e o pó de talco. É um cheiro reconfortante.

Floriental - Este é o meu tipo de aroma preferido. Combina a família floral com a oriental, cria fragrâncias extremamente femininas mas intensas e sedutoras. São aromas fortes, com personalidade, e que muitas vezes são mais apropriados para a noite. Eu uso-os indiscriminadamente durante o dia.



Lavanda - Não é uma família, mas uma nota que é muito querida ao O Boticário. A lavanda é associada com a feminilidade inocente e usualmente é oferecida como prenda de aniversário às meninas que fazem 15 anos marcando a passagem de menina para adolescente.

Mais do que uma nota é uma emoção. É o testemunho do amor do fundador da marca pela sua filha, Tatiana, que tem vindo a ser actualizado para não perder a sua essência mas continuar a estar dentro das tendências olfactivas.


Agora que já conhecem os aromas d'O Boticário porque não passar numa loja e escolher qual será o vosso?


2 comentários:

  1. Eu também gosto mais da família dos doces. Tenho que ir experimentar ;)

    Bjs

    http://colorscanspeak.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Adorei este post!! Tenho que ir a loja escolher o meu aroma :P

    Beijinhos*

    http://thebeautyroom-tyna.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Deixa a tua opinião aqui!

Notas

Aqui escreve-se ao abrigo do antigo acordo ortográfico.

Contacto: pinderiquicespindericas@gmail.com

© Pindérica, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena